terça-feira, 25 de setembro de 2007

A Lua desapareceu! valadares

A Lua desapareceu domingo 16 de Setembro da Av. dos Sanatórios, 267, Praia de Valadares,Vila Nova de Gaia.
Pensamos que por ser jovem (4meses) possa ter ido com quem lhe abriu o portão e fez festas. Era cruzada de husky com pastor alemão tinha um olho castanho e outro azul, de coloração bege e castanha. Foi oferecida as minhas irmãs de 5 e 2 anos que estão desoladas. Se tiverem informações por favor contactar para o e-mail. Obrigada
apelo feito pela cristiana

Fotógrafa lança obra sobre cães abandonados

A vida de mais de 30 cães abandonados nas ruas de Porto Rico e México virou livro. Street Dogs (Cães de Rua) reúne fotos de cães sem dono procurando comida e vivendo em grupo.

O trabalho é da fotógrafa Traer Scott, que passou meses acompanhando o quotidiano de ONGs que tiram animais carentes das ruas, oferecem tratamento e abrigo, e depois tentam encontrar famílias para adoptá-los.

E o que é mais interessante: a maior parte dos cães retratados no livro, que foi lançado este mês na Grã-Bretanha, já foi adoptada por famílias americanas. Fonte: BBC http://www.bbc.co.uk/portuguese/reporterbbc/story/2007/09/070919_caesebc.shtml

Foto: Site da Editora Merrellhttp://www.merrellpublishers.com/MP_book_list_simple.php

Pluto - Um manchinhas muito bonito - ADOPÇÃO URGENTE - ABRA

o pluto precisa de um lar!
Porte: Médio
Sexo: Macho
Raça: SRD
Idade: Jovem
Características: Entrou no canil um pouco assustado mas é muito meigo e sociável.TELEFONE ABRA: 912 380 560

miaus para adopção em V. N. Gaia

contacto: 91 2144633

outra forma de comemorar o dia do Animal

sábado, 22 de setembro de 2007

vamos vestiresta camisola!

A.P.A.A.E. 1º Santuário Português para Cães Abandonados

Parque de Bem-Estar Animal é um projecto único em Portugal e destina-se à recolha de animais (cães e gatos) abandonados ou vítimas de maus tratos. Esta iniciativa que data de 1999 assenta numa parceria entre a A.P.A.A.E. (Associação de Protecção e Apoio ao Animal Errante) e a Câmara Municipal de Castelo Branco. Os animais podem ser adoptados ou apadrinhados. São cuidados por dois funcionários municipais e elementos da Direcção da APAAE que supervisionam o tratamento dos animais e a manutenção do espaço. Os animais vivem em liberdade dentro de grandes zonas vedadas. Têm acesso a abrigos (casas) de madeira, chapa zincada ou blocos que dispõesm de aquecimento para Invernos mais confortáveis. No Verão abundam as sombras naturais e a água está disponivel em grandes pedilúvios. Este Santuário dispõe de vários equipamentos como Gabinete Médico, Zona de Banhos e Tosquias, Zona de Quarentenas, Creche, Lar de 3ª Idade (para os mais idosos e fragilizados), enfermarias, duas cozinhas, armazém de rações, armazem de materiais, um pequeno gatil, uma área de recepção para visitantes, um hotel canino e um estacionamento amplo e parcialmente coberto. Este projecto é frequentemente visitado por escolas e alvo de diversas campanhas de solidariedade e estudos por parte das mesmas. Além disso criaram um sistema de videovigilância para Identificar e sancionar os responsáveis pelo abandono de animais às portas do canil municipal é o principal objectivo a cumprir com a instalação de um sistema de video vigilância que funciona 24 horas por dia. A Associação de Protecção e Apoio ao Animal Errante (APAAE) instalou, à entrada do canil municipal, um sistema de videovigilância, com o propósito de identificar e sancionar pessoas que abandonam animais à porta daquelas instalações. O sistema está a funcionar desde os dias seguintes ao Natal e já apanhou um prevaricador, que ali tentou deixar um animal durante a hora de almoço. O assunto acabou por ser resolvido entre a APAAE e a pessoa em causa e acabámos por encontrar uma solução para o animal, adianta Rosário Almeida. O sistema instalado funciona 24 horas por dia e é automático. Ou seja, sempre que alguém se aproxima dos portões do canil, as câmaras iniciam a gravação que é depois visionada pelos responsáveis da instituição. Refira-se que, de acordo com o número 3, alínea (d), do artigo 1° da Lei n° 92/95, que diz respeito à protecção dos animais, é proibido o abandono intencional de animais na via pública que tenham sido mantidos sob cuidado e protecção humanas, num ambiente doméstico ou numa instalação comercial ou industrial Vejam mais em : http://www.apaae.pt/

quarta-feira, 19 de setembro de 2007

Dia do animal uma vela e cor preta e azul‏

Um grupo de amigos dos animais lançou a ideia de se evocar, no dia 4 de Outubro, Dia Mundial do Animal, todos os animais maltratados e assassinados por esse Mundo fora, em canis camarários, pelas ruas das cidades, abandonados à morte em descampados isolados, em casas vazias e fechadas, enfim, todos os animais que em todos os lugares e de todas maneiras que a maldade do Homem consegue inventar todos os dias são maltratados, torturados e mortos. Assim, apela-se a todos os que se preocupam com eles e a todos os que gostariam de lhes devolver a dignidade que merecem para que se preste uma singela homenagem não só aos que partiram como também aos que sofrem. Pede-se a todos os que se preocupam que no dia 4 de Outubro próximo (quinta-feira), a partir das 20h, acendam uma ou várias velas nos parapeitos das suas janelas e, em simultâneo, usem durante o dia um laço de duas fitas, uma azul-celeste e outra negra, simbolizando, respectivamente, o céu para onde eles partiram e o luto pelas suas mortes. Divulguem esta iniciativa, por favor! Para que haja ao menos alguém que pergunte qual o sentido desta manifestação e seja consciencializado da necessidade de defendermos aqueles que connosco partilham a Terra: os Animais!

segunda-feira, 17 de setembro de 2007